Equilibrium de Décio Gomes



Sinopse
Luca é um consultor espiritual que possui um dom que vai além de conversar com espíritos. Ele nasceu com um olho azul e um castanho. O olho castanho vê o mundo dos vivos. O olho azul vê o mundo dos mortos. Retirado de sua vida pacata por um misterioso senhor interessado em uma consulta espiritual particular, Luca descobre ser o único capaz de quebrar as regras do universo além-vida. Graças a isso recebe uma missão: atravessar ao Reflexo, o mundo paralelo dos mortos, para encontrar o Equilibrium, o ser responsável pela manutenção do fluxo de espíritos vagantes que descontroladamente se acumulavam no mundo dos vivos. No Reflexo, uma visão distorcida e espelhada de seu próprio mundo, Luca encontrará uma grande aventura, assim como ferozes inimigos e também uma nova amiga, que o ajudará em sua busca alucinante através das ruas habitadas por centenas de espíritos vagantes.

“Entre a vida e a morte existem mais mundos do que se pode imaginar”


O livro começa com uma introdução demonstrando a habilidade de Luca de falar com espíritos. Após um cansativo dia de trabalho, Luca vai até sua cafeteria favorita e encontra sua amiga Nancy, uma garotinha de 8 a 9 anos de idade que é um fantasma. Nancy avisa Luca que um cara a alguns metros de distância o está espionando. Luca decide fugir deste homem, porém é encurralado e sem opções acaba aceitando o pedido para visitar uma residência.  

“O mundo ao redor girou como que pelo efeito de cinco doses de vodka – puras e sem gelo. Luca viu paredes um teto, o chão, tudo se misturando como um borrão que rapidamente tentava se unir” Pag. 61

Opinião
Narrado em terceira pessoa o livro é cheio de detalhes sobre o cenário e personagens, o que ajuda na imersão do leitor na história. A leitura começa lenta e aos poucos vai te prendendo.
É uma história sobre misticismo e vida pós a morte, abrindo portas para novos mundo e conceitos. Tudo é contado através de uma boa aventura cheia de emoções e suspense.
“O Reflexo”, onde se passa a história, é um mundo intrigante e complexo, seria um meio termo entre o céu e o inferno tendo suas próprias regras e criaturas.
Os personagens são bem construídos e cada um possui uma história.
Luca se mete em diversas ocasiões inusitadas, geralmente estando apreensivo e morrendo de medo do que está acontecendo, o que contraria bastante o modelo de personagem principal todo valente. É um rapaz bem direto, gentil, que buscar fazer a coisa certa e não para de fazer perguntas.
“Repentinamente, congelando as entranhas de Luca em um microssegundo, um som estridente disparou pelo céu cinza do Reflexo” Pag. 68

Uma personagem que merece bastante destaque é Ji-Yun, uma coreana e agente federal. Ela é uma pessoa incrível de personalidade forte e tem um papel muito importante na aventura que Luca se meteu. Ela é a responsável por guiar o jovem médium e salva ele de diversas situações perigosas. Sua história é incrível e o final é bem emocionante, vale a pena ler para descobrir. Ela vira uma grande amiga de Luca.



O livro fica muito bom quando você chega no meio dele e dá uma certa apreensão quanto ao final. Aos poucos os detalhes da história vão sendo esclarecidos respondendo diversas perguntas (mas não todas) e terminando com um gostinho de "quero mais".
“Em seus pensamentos mais profundos, August mais uma vez teve a certeza de que a morte, assim como a vida, por vezes escolhia não ser muito justa. ” Pag. 120


 Editora: Coerência | Autora: Décio GomesPáginas: 210 Skoob |


Nenhum comentário:

Postar um comentário